sábado, 26 de maio de 2012

como fazer sua mini hortas em pequenos espaços ?

Não é preciso muito espaço para fazer uma horta em casa. É só ter vontade e algum lugarzinho onde bata sol por algumas horas do dia e sua horta já pode começar. Nesse post vamos dar algumas dicas de como fazer uma horta dentro de sua casa.


O ideal para apartamentos e espaços pequenos é ter uma horta de temperos, pois eles geralmente se adaptam melhor a canteiros. Algumas espécies são indicadas, por exemplo: alecrim, manjericão, estragão, camomila, capuchinha, cebolinha, erva cidreira, hortelã, orégano, pimenta-dedo-de-moça, salsinha e sálvia. Eu mesma nunca consigo manter uma planta viva por muito tempo, mas já plantei algumas dessas e posso garantir que não dão quase nenhum trabalho.  Para fazer seu canteiro Você vai precisar de algumas coisas : um vaso grande ou uma jardineira (pode ser de plástico ou de barro), terra, húmus de minhoca ou você pode usar o adubo orgânico que ensinamos no post anterior sobre compostagem e algumas mudas de ervas de boa procedência. Não se esqueça de dar um bom espaço entre uma muda e outra, assim elas podem crescer livremente.


Mas como saber quando regar? A rega depende muito do tipo de vaso. Vasos de barro são mais porosos e por isso secam mais rapidamente. Para lugares de muito vento, recomendam-se vasos de resina. Eles imitam o barro e, apesar de não serem tão bonitos, são mais leves e seguram melhor a umidade. A herborista Sabrina brinca que a melhor medição para a rega ainda é o “dedômetro”: coloque o dedo na terra, se estiver úmida, está bom, se estiver seca, precisa ser regada?”. O ideal é que se adube a terra a cada 30 dias, você deve colocar o adubo afastado do caule e regar logo em seguida, é bom também revolver a terra para que não haja perda por oxidação quando o sol bater. É sempre bom também manter o hábito de podar, deve-se evitar a presença de folhas secas na planta pois elas atraem fungos e bactérias que podem acabar com a sua horta.

Procurando por aí acabei encontrando também algumas “engenhocas” que tentam driblar a falta de espaço do nosso mundo atual. Nos EUA, por exemplo, o agricultor Bill Arquit criou esse jardim em forma de escada que permite ter uma horta completa, com mais de 55 plantas. Ele mede em torno de 1,15m² e permite cultivar plantas organicamente. O jardim urbano ainda é vendido somente lá e custa em torno de 250 dólares. Mas pra quem tem uma noção de marcenaria já dá pra ter umas ideias do que fazer em casa.


Como solução relativamente menor, e é claro menos completa, o arquiteto francês Patrick Nadeau desenvolveu uma mini-horta urbana. deal para quem sofre com a falta de espaço, esta mini-horta urbana cheia de design é composta por suportes metálicos que suportam três baldes de poliéster revestidos com PVC impermeável (48 x 10 x 22) e com capacidade para até um litro. Cada um dos baldes é vendido com bolas de argila e um sistema especial de drenagem, sendo perfeito para quem vive num apartamento de cidade, sem hipótese de alugar uns metros quadrados para plantar os seus vegetais favoritos.


Então, pode parar de reclamar por falta de espaço, porque o que não faltam são soluções. E aí vai mais uma foto só pra lembrar que qualquer lugar é lugar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário